Humanização do Parto

Logo que confirmei a gestação veio a primeira dúvida, como terei o bebe? A resposta inicial era óbvia: Quero parto normal!

Para minha grande surpresa  em Itapetininga os GOs não queriam nem me atender com essa premissa!

Hoje sei que essa postura médica é mais comum do que posto em beira de estradas e muitas mulheres encaram a cesariana por pura falta de opção e informação.

ImagemAlém do parto normal ser visto como demorado e medieval pela maioria dos médicos, que já aderiram ao lucrativo esquema de produção de partos em massa, quando realizado ainda é feito de uma forma agressiva para mãe e bebe.

Escolher a posição em que quer parir, a forma, o tempo é um direito da gestante! Não é favor, tão pouco loucura!

LER do verbo LER, faz toda a diferença, converse com pessoas diferentes, variadas, participe de grupos de discussões, passe vergonha! Antes passar vergonha perguntando algo do que repetir uma bobagem sem tamanho pelo resto da vida!

“Ahhh mas eu não quero ter meu bebe por parto normal! Sou menos mãe por isso?” => OBVIO que NÃO! Você está fazendo o que deseja, mesmo uma cesariana pode ser humanizada, ou seja, sem mais intervenções desnecessárias, o bebe pode ir direto para a mãe enquanto terminam os procedimentos, você pode pedir para ficar com seu bebe no quarto.

Mais que uma discussão sobre quem é o vilão Parto normal X Cesariana, precisamos discutir o atendimento oferecido às gestantes pelas equipes médicas, respeito e cuidado são direitos de mãe e bebe e só serão respeitados quando forem exigidos.

Os médicos não são pequenas amostras de DEUS, não é normal que você se sinta com medo e insegura todo o tempo e você pode SIM questionar.

Não permita que 9 meses de carinho, cuidados, conversas com a barriga sejam mutilados por maus tratos e lembranças tristes do momento mais mágico na sua vida.

=> Quero ESTATISTICAS! Ok! Você pode conferir aqui as informações 😉

Anúncios

Sobre SaBarth

Apaixonada, por publicidade, pessoas, viagens, desenhos animados e músicas antigas! Não necessariamente nessa ordem.
Esse post foi publicado em Bebe, Challenge, Desafio e marcado , , , , , . Guardar link permanente.

2 respostas para Humanização do Parto

  1. Érica Azevedo disse:

    Massa!
    Mas cesariana humanizada eu não concordo… Minha mãe disse a mesma coisa essa semana, pra não deixar uma amiga que está grávida sem graça. A verdade é que cesárea não devia NUNCA ser opção. Ela devia servir pra casos em que o parto normal é realmente inviável… e aí sim, nesse caso, ser feita da maneira menos violenta possível pra mãe e pro bebê. Cesárea humanizada pra mulher que agenda? Expor o bebê a sérios riscos de dificuldade de adaptação por ter chego ao mundo no susto, muitas vezes enquanto estava dormindo na barriga? Expor ele ao risco de nascer prematuro (pq não dá pra saber o tempo exato dele até que nasça, e na verdade pronto mesmo ele só está quando a mulher entra em trabalho de parto)? Isso por si só não é humano. 😀

    • SaBarth disse:

      Ahh Érica, eu defendo o direito das mães em escolherem… um PN com uma mãe em panico, tensa, angustiada dificilmente fará bem ao bebe… não é?

      Precisamos respeitar, mesmo que seja sem concordar, a decisão de cada mãe para a hora do nascimento do seu bebe… se não, como podemos exigir que respeitem a nós, pequeno mas barulhento, grupo?

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s