De volta a DIETA

Se meu peso extra pudesse dizer alguma coisa, ele diria “Hasta la vista, baby

Não tão divertido… mas já basta de gordices e falta de rotina.

Apto ficando a cada dia mais com cara de LAR, emprego ok, ordem do lado de fora, ordem do lado de dentro de mim!

Já voltei ao danone pela manhã de café, saladinha no almoço e jantar pão torrado com manteiga com suco de morango para acompanhar 😉

Fiquei muito feliz, as meninas do escritório me chamaram para correr no Parque do Ibirapuera! Recomendo muito, muito MESMO.

Não tenho preparo nem fôlego para tanto, mas a caminhada de uma horinha de hoje está garantida, com muito papo furado e risadas!

F.E.L.I.C.I.D.A.D.E


Anúncios
Publicado em 5W2H, Challenge, Desafio, Dieta, Exercícios, Foto, São Paulo | Marcado com , , , , , , , , , | Deixe um comentário

Conselho de amigo

Oi tudo bem? Como você está?

Estou bem, e você?

Bem também, faz tempo que não te vejo, o que acontece?

Ah eu mudei!

Mudou? Para mim você parece a mesma…

Mudei de cidade…


E esperava o que? Ficar a vida inteira no mesmo lugar? Sabia que esses dois pedaços de carne a baixo da sua cintura servem para que se mova e estão aí justamente para você ir cada vez mais longe?  Se der vontade, um dia você volta ao ponto de partida… mas inicialmente você precisa sempre ir.

Sim eu sei, será que se eu tivesse quatro pernas seria mais fácil?

Óbvio que não, imagina a quantidade de sapatos que teria que comprar, fazer as unhas custaria uma fortuna, mais pernas, mais trabalho, o caminho e a distancia será a mesma, a diferença é que você vai gastar o dobro de energia para fazer a mesma coisa.

Gosto muito das novidades… acho que aprendi bem a conviver com elas, tenho momentos de felicidade, mas não sempre, parece tudo meio morno… entende?

Isso é uma mudança de verdade, seu rosto não mostra mais as marcas de expressão de quando você ri. Sinal que tem perdido muito tempo séria. Deixou o sorriso dentro de alguma caixa que esqueceu de abrir?

Não! Estou me adaptando… quem rí demais parece bobo. Não quero parecer boba!

Então sorria por dentro! Sorria com os olhos, você sabe eu também vou saber onde quer que eu esteja. Você é o que você come, diga-me com quem andas e te direi quem és, um passarinho só não faz verão, água mole-pedra dura-tanto bate até que fura!

Em palavras de gente “normal”… por favor!

Você está um saco com esse papinho de gente normal, o salto alto está te deixando alta demais e bem burra! É muito claro o que eu quis dizer! Mas vou explicar… 

“Você é o que come”: Você insiste em comer coisas que mal se pode identificar, sem aroma, ou sabor definidos, uma briga de aromatizantes e corantes em uma porção sem forma. Coma alimentos de verdade, seja quem você é de verdade, cheia de qualidades e defeitos, aromas, sabores e cor.

“Diga-me com quem andas…”: O que faz todos os dias?

Oras! Acordo, pego o trem, chego no escritório, trabalho, pego o trem, chego em casa e fico no note e depois durmo…. ah antes jogo paciência no celular, só durmo depois de ganhar 3 partidas!

Ora essa! Ou você se transformou em um trem, ou em um computador! Isso é óbvio!

!!!! ?

Continuando… pare de me interromper ou não explico mais nada!

“Um passarinho…”: Óbvio que você faz o que gosta e está onde pode ser muito feliz, mas felicidade e solidão não se entendem na mesma frase, nem na mesma fase da vida. Não basta estar rodeada de pessoas, precisa se abrir para elas. Saiba escolher com quem você quer fazer isso, precisa voar em bando, para a viagem ser leve e solta. Se você vai em uma direção e quem está ao teu lado de outra… nunca sairá do lugar e estará sempre exausta.

“Água mole-pedra dura…” Seja como a água de um rio (vivo! Não isso que você vê em São Paulo!), flexível constante, transparente e forte. Independe das pedras e obstáculos do caminho ela chega ao seu destino, a imensidão do mar. Enquanto a pedra, forte, dura, estável , permanece no mesmo lugar, ou se move muito pouco com a ajuda da água,  todos os dias sofre pancadas, acaba que se parte quase sem sair do lugar.

Não deixe que o cimento, metal, fumaça, em volta façam parte do que você é. Flua como o sangue nas veias. E quando estiver muito difícil, conte comigo. 

Ok, vou trabalhar, até mais.

Publicado em Conto, Desafio, São Paulo | Marcado com , , , , , , , , , , | 2 Comentários

Eco + defensores de animais + evangelizadores = Chatos

Redes sociais são incríveis, você compatilha todo o tipo de informação e também de lixo, nós e  @migos .

Mas sinceramente gente, vamos combinar? Não é legal!

Não consigo não fazer uma série de indagações:

1-     Você postar fotos de animais torturados e vídeos, vai mudar a realidade deles? (NOPE)

2-     Você vegetariano querido, acho lindo seu amor pelos animais, mas o SEU amor e abdicação gastronômica, não tem que interferir nas minhas escolhas e opções, sou feliz curtindo churrascos e carnes mal passadas.

3-     Você cuida do planeja da mesma forma que você posta atrocidades nas redes? Economiza energia elétrica, dá preferência a meios de locomoção públicos, ou limpos (como bicicleta), separa o lixo ?

4- Usa produtos de beleza não testados em animais, dispensa sacolas plásticas no supermercado, usa make e produtos de limpeza que não agridam o meio-ambiente?

Eu não sou contra, em momento algum a nenhum movimento “eco-politico” correto, mas quero ver ações e não apenas “Divulgue por amor” ou “olha o que esses animais fazem” Enquanto pode ter um “animal” que joga lixo pela janela, não doa roupas usadas a quem precisa, nunca fez uma ação voluntária me faz engolir essa baboseira!

Sou carnívora, fumante, separo lixo, quando tenho tempo livre dou aulas voluntárias ou faço volta e meia uma doação de roupas usadas. Acredito em Deus, com maiúscula, mas não nas interpretações variadas que os homens dão a existência dele, tendo diariamente mudar minhas atitudes, fazer o bem sem olhar a quem, fazer com amor seja lá o que for.

Quer fazer alguma diferença, vá além das @s, levante as mangas e FAÇA. Terá todo meu apoio, enquanto for apenas discurso, você tem tanto valor quanto qualquer político em época de campanha.

Publicado em 5W2H, Desafio, Hora da insônia, Surpresa | Marcado com , , , | Deixe um comentário

Na Paulista Liberdade de conhecer o Bexiga

Ele me veio cheio de idéias, olhos brilhantes ao falar de uma tal “Macumba Antropófaga”. Sem a mínima idéia do que se tratava, feliz em minha ignorância, respondi apenas com um, “Ok, vamos sim.

Acompanhados por uma fina garoa, típica,  fomos da Estação Liberdade à Rua Jaceguai. Um público “diferenciado” facilmente identificando a nossa chegada ao Teatro Oficina.

Particularmente, a última vez que tinha ido a uma PEÇA teatral, foi no terceiro colegial, 2002, onde assisti Os Lvsíadas. E amei!

Mas a peça em questão foi bem diferente, não nego.

Atores, espectadores, comunidade no primeiro ato todos se misturavam, o que me rendia arrepios.

Música movimento, muitas referencias, muitos nus… talvez informação demais para mim, a cada cena eu dizia “amor, vou precisar de meses para digerir isso”.

Se tratando da peça em questão, deve ser essa mesma a idéia…

Conheci algumas partes do Bexiga, tour acompanhado por uma cantiga que ficou ecoando na minha cabeça durante todo o domingo, que eu amaria escrever a letra aqui mas agora se esvai e ficam apenas as imagens e o ritmo “Cobra grande Viva Viva… o resto esqueça… vamos pra rua…já dá pra ver a fachada da TBC…

Tentamos tietar o diretor… mas não rolou, o que me deixou profundamente incomodada, como assim? Nem um “boa noite” sorriso amarelo ou semelhante?

Talvez coisa de artista, comum a nós meros mortais confundirmos a personagem e a persona… pena que ele nem chegou a ver a foto, iria curtir a imagem… ou não. Acho que entendi algumas coisas melhor, depois de ler esse texto. LER DO VERBO LER.

Queria poder guardar algumas imagens, como fotografias, crianças nas janelas, o brilho nos olhos de alguns atores, a emoção de quem assistia, o ritmo das batucadas ecoados pelo corpo.

No final tudo foi motivo para discutirmos depois, horas a fio. Me encantou, sai enamorada pelo ritmo e pelo formigamento que tudo causou no meu cérebro e corpo.

 

Já no domingo, delícias da paulista, algumas surpresas, como a bike fantasma, e a exposição

de Nelson Leirner, muito legal, recheada de cores e repetições.

Arte não se explica né? Tem valor e significado individual, eu ACHO, afinal algo tão livre, de que serviria a base de uma ditadura de significados e signos engessados?

Depois de alimentar a mente, que alimentasse o estômago (ainda na pegada Antropófaga? Será?) Da Paulista à Liberdade, e mais uma explosão de sabores, cores, aromas… um delicioso almoço oriental, com toque made in BR no final, Café, sorvete de creme, chantilly e calda de caramelo. Sobremesa saboreada com os olhos antes de mais nada e sabor que me fez cantarolar enquanto comia, como fazia quando era criança.

Começo a me apaixonar. Começo a me apaixonar por São Paulo, como toda carta de amor, esse post foi ridículo, mas é o relato do começo do meu encantamento pela Babilônia de Pedra.

Publicado em São Paulo, Surpresa, Visita | Marcado com , , , , , , | 2 Comentários

Olá queridos!

Bem, vou escrever uma vez só mas é para os dois, ok?

Gabi, nem comece a resmungar que “é assim mesmo” e bla bla bla kkkk Engole o bico, desfaz a carinha de dó!

Shitaraaaaa, 2012 se aproxima, e eu estou em um “relacionamento sério”, entre aspas porque eu insisto que não estou namorando, mas estou mais doce e meiga do que a Felicia…rs

Quem me viu, e quem me vê! Foi até ridiculo, outro dia postei alguma coisa no face, para/sobre você e ele achou ruim (ve se pode) com ciumes e afins, no mínimo achando que era para algum ex peguete, ou coisa do gênero… Acho q ele ainda não se ligou que tento pelo menos levar o  “Te Amo” a sério e falo para amigos, e não peguetes… por motivos óbvios, né?…rs

Gá, lembrei de você esses dias, fui para itapê e encontrei a Meire! O filho dela está gigante, isso que nem vi ela grávida, parece que simplesmente a criança apareceu do nada…rs Lembrei na mesma hora dos pastéis durante a semana quando eu trabalhava no escritório também! Do perfume de maracujá que você usava na época e das gordices, né? Saíamos para tomar café, que poderia ser de 15 min e voltavamos quase 30min depois, só na fofoca e muitos pastéis. Aliás, continuo comendo pastel com MUITO catchup, quando como pastel… estou de dieta a algum meses, já perdi 11 kg! Mas passar fome é um saco kkk queria ser como você uma DRAGA e MAGRA! kkkk

Ai gente, mudei para Sampa a um mês, e to paia demais da conta… não saí ainda, só vi a Chris no metrô a caminho do trabalho… só correndo! Aliás Gabi, você ia amar isso aqui viu, ow cidade de DEUS para ter gente bonita! O SEU padrão de bonito, não o meu…rs ainda penso que não tenho “bom gosto” para achar homem bonito, normalmente é mais “desgosto” mesmo… huahuahuahua

Espero que vocês estejam muito bem, brilhando muito (como sempre né). Nunca são esquecidos, não me esqueci de nada que combinamos e vamos fazer ainda 😉

Porque aqui, a pegada é outra, é parceria!

Beijo pro menino e abraço para menina! kkkk ok beijo e abraço para todo mundo!

Amo vcs!

| Marcado com , , | Deixe um comentário

As verdades e mentiras sobre o Metrô.

No mínimo duas horas do meu dia passo entre/dentro  do metrô. Talvez por isso, ou por curtir muito “pessoas” em geral comecei a fazer uma série de constatações dentro da cachola.

Fato número 1: a maioria das pessoas estão caladas pela manhã. É possível escutar os “toc toc” dos saltos em qualquer estação que você passe ( pelo menos no meu caminho da Saúde à Vila Olímpia )

Fato número 2: Ninguém se fala, a não ser entre amigos.

Fato número 3: Por algum motivo oculto a maioria das pessoas pára nas portas, e lá fica, mesmo espremidas, se negam a ir para os corredores dos vagões

Fato número 4: Sempre tem um ASNO que fica viajando no lado esquerdo das escadas rolantes e não dá passagem para ninguém.

Conversando com a Thati, resolvi estabelecer uma meta nova, boba eu diria, de desejar “Bom dia” para pelo menos 5 pessoas pela manhã, e fazer pelo menos mais 5 rirem no horário de volta…

Bem no meio dessa discussão, esperávamos o terceiro trem na estação, por que os outros dois estavam inentráveis, simplesmente virei para o lado e perguntei a um cara que estava próximo se ele responderia a um bom dia de um estranho pela manhã.

A resposta foi simples: “Acho que sim, mas ninguém se fala nas estações, todos os dias a única pessoa que desejo bom dia é a mim mesmo”.

Depois dessa, poderia jurar que o bate-papo tinha acabado mas para a minha surpresa o cara continuou, falando sobre o dia a dia, que já tinha morado no interior… enfim. Só para recapitular, eu era e continuei sendo uma completa estranha, no que me diferenciava de qualquer outra pessoa que ele encontra todos os dias?

Já no trem, comecei a falar sobre nosso querido transporte público, é realmente um absurdo tantas reclamações enquanto o governo de São Paulo se preocupa tanto com o bem estar do cidadão!

Pensa comigo, o maior problema em grandes cidades é o sedentarismo, certo?

Solução do Governo, desliga as esteiras e algumas escadas rolantes nas estações em pleno horário de pico para que todos sejam obrigados a caminhar ou fazer “step” por pelo menos 20 minutos (+/- em um trajeto de uma hora com baldeações) isso apenas em um percurso, se o cidadão ir e voltar pelo mesmo trajeto temos um total de 40 min de atividade física 10 min a mais do que o mínimo recomendado diário e acima de tudo GRATUITA .

“São poucos trens para um volume grande de pessoas, muitas vezes ficam parados por muito tempo nas estações”

Outra reclamação injusta! Problema sério também em grandes capitais é o grande número de pessoas em depressão.

Solução do governo, promovendo mais tempo juntos em um pequeno ambiente, promove também a INTEGRAÇÃO entre os usuários. É isso mesmo, as pessoas passam mais tempo próximas e podem conversar entre si, ajudando assim a combater o grande vilão da depressão!

Sei que apenas hoje, na volta do trabalho, fiz uma pequena diferença na vida de 8 pessoas, que se sentiram importantes ( dando seu ponto de vista sobre algo) ou simplesmente riram das minhas teorias incabidas, sobre o caos que vivemos diariamente.

Depois de ouvir um estranho que estava próximo dizer “Vir de metrô hoje valeu a pena, nunca ri tanto” fez com certeza o meu dia valer a pena.

Pequenos atos, fazem toda a diferença 😉

Meio que a pegada desse filme aqui, antigo demais, mas que me marcou bastante a ideia central. Confira, faça as contas, mude mesmo que um pouco o mundo para melhor.

Publicado em 5W2H, Conto, São Paulo | Marcado com , , , , , , , , , | 2 Comentários

Bem vindos à Sampa

“E foste um difícil começo
Afasto o que não conheço
E quem vende outro sonho feliz de cidade
Aprende depressa a chamar-te de realidade
Porque és o avesso do avesso do avesso do avesso”

E não é que deu certo? Fiz as malas novamente, dessa vez bem mais rápido que da ultima. Terça-feira recebi a ligação “Venha o quanto antes, se a vaga ainda te interessar“.

Ok, de terça até sábado terei muito tempo, só preciso encaixotar as coisas, arrumar onde morar que seja próximo ao trabalho, avisar as meninas do apê que eu vou sair, tirar o apê do meu nome, levar todas as minhas coisas para Itapê, arrumar uma mala, para pelo menos um mês em sampa, arrumar dinheiro para viver até dia 5, encontrar outra família para o Louis… é FÁCIL!!!!

Tudo isso feito, já em Sampa…

7:30 da madrugada: acordar

8:55 sair do apê, pegar metrô, baldeação, metrô, baldeação, metrô, baldeação, trem => escritório finalmente depois de algumas encochadas vários “sobe e desce” e algum tempo de caminhada (dentro das estações)

*Trabalhar

Mas não só dessa loucura vivemos né? Ou será que não… (?)

Aproveitei o feriado de 7 de setembro, para tentar desbravar a tal cidade, e ver além do caminho casa-trabalho, o plano inicial era ir no Ibirapuera, curtir um pouco de verde e pedalar.

Mas acordar cedo, no feriado, ninguém merece, mesmo que seja para algo tão nobre…rs O Sr ex-atual namorado veio para cá, e fomos carinhosamente convidados a almoçar com a irmã e cunhado dele.

Conheci a Vila Madalena, afirmo que se realmente amor a primeira vista existe, estou perdidamente apaixonada por ela.

Verde, cheia de cores aromas e sons diversos, eis a Vila Madá.

Aproveitamos o São Paulo Restaurant Week e fui apresentada a deliciosa cozinha do Chez Fabrice. Minha vontade era fotografar cada prato, delicada e deliciosamente preparado e servido, simples e cheio de sabor e aroma.

Não resisti à sobremesa, fotografei, pois nada fica ruim com Framboesa… nem minhas fotos!

Boba, do couvert ao cafezinho servido com trufas de chocolate, me entreguei a tietagem, e tirei uma foto também com ele, o Chef Fabrice, francês muito simpático e sem dúvida alguma, um excelente alquimista gastronômico.

 …

Mesmo assim a dieta continua, já perdi dois quilos desde que vim. Apesar de pouco regrada, confesso..rs

Quero explorar São Paulo, bairro a bairro, via Metrô… vamos ver… será um trabalho conjunto com meu querido.

Foco é tudo na vida, para quem não sabe onde quer chegar, qualquer lugar está bom.

Publicado em Cão, Desafio, Dieta | Marcado com , , , , , , , , | Deixe um comentário

Quase 3 meses, 9kg a menos!

Peço já mil desculpas à galera que estava lendo todo dia o blog, acompanhando os cardápios e afins pelo sumiço nos ultimos dias.

Meu trabalho está uma loucura, muito boa diga-se de passagem, e chego em casa sem aquele pic incrível para escrever… sabe quando você quer ter o direito de não se dar ao trabalho nem de falar ou pensar? Então… bem por aí!

E a história de namorar… bem, também não deu muito certo…rs Existem momentos na vida em que tudo o que você precisa são respostas e apoio, e não responder e apoiar apenas… egoismo? Talvez, mas para crescer (que é minha pegada atual) preciso de dois focos, EU e meu TRABALHO. Não dá para assumir a postura de “dedicação total a você“.

Outra coisa…rs Postar a dieta aqui era uma forma de me cobrar mais e seguir ela direitinho, é irritante comer gordices e postar aqui! Estava ficando meio deprimida com isso, JURO! Fazer algo errado é até “aceitável” contar isso para todo mundo, torna inadmissível.

Relaxei um pouco na dieta, confesso, os remédios também ajudam muito na loucura e irritação (mas como tenho que perder muito peso, devo continuar).

Desse muito peso, já dei ADEUS a 7kg e tem mais 2 que oscilam ainda… depois de umas 2 semanas sem eles já posso considerá-los fora de mim MESMO. Hoje eles estão fora, amanhã pode ser que apareça 500g ou algo assim…

Continuo me pesando duas vezes por dia, assim,  também vejo o resultado das minhas escapadelas e maneiro bem mais no dia seguinte.

Para não parar de postar novamente, vou colocar só o cardápio quando não estiver com tempo, combinado?

Vamos lá, que ainda me restam 11 kg para eliminar e fora isso, meu mundo tem dado muitas voltas, muitas mesmo… Ganhei presentes essa semana, um eterno, um engraçado, um doce, e um… bem…. e um muito gostoso! 2011 está me surpreendendo praticamente a cada dia.

Publicado em Challenge, Dieta, Exercícios, Foto, Guest, Love, Namoro, Remédios, Surpresa, Vergonha | Marcado com , , , , , , , , , , | 2 Comentários

Por aí

Ando por aí, já sem muita pressa, pouca preguiça e agora mais metas do que sonhos.

Por aí, talvez você tenha me visto essa semana… ou não, devo estar por lá ainda.

Não. Na verdade é onde quero chegar, mesmo que a cada ano seja em um lugar diferente, com cores, brilhos e sons únicos. Que se esvaem na mesma rapidez que o som de foge aos ouvidos.

Não quero contar nada para ninguém… tudo continua na mesma, mesmos 6kg perdidos, mesma rotina de inhas inhos e abdominais.

Bastante trabalho.

Hoje tirei a noite para ficar com meu filho (o cão) brinquei, falei com voz estranha (como se eu fosse uma completa retardada mental) escovei, cortei alguns pelinhos (pelo menos quebra um galho até encontrar um pet próximo ao apê)

Fui ao médico hoje, ele não disse nada de mais, mesmo quando mencionei meus escorregões, trocou o remédio (afinal o Fempropopopopoo não fez diferença alguma no meu peso, apenas na minha ansiedade). Que venha a velha conhecida Anfepramona e todos os baratos e enjoos e afins que ela costuma causar, junto com a perda de peso.

Amanhã ORO para que não faça esse frio glacial pela manhã, é quinta feira, dia de massagem… o feriado e afins destruiu minha rotina e pareço ter inflado! Faz um PUTA diferença a massagem, fato fatíssimo, quero voltar a pelo menos me sentir muito mais magra.

O Cão esfregão já passou e limpou todos os rastros, me resta inventar meu próprio caminho.

Não pise nos momeraths

Publicado em Dieta, Hora da insônia, Massagem, Remédios | Marcado com , , , , , , , , | Deixe um comentário

Como emagrecer DIREITO!

Muito legal a matéria da Veja sobre o assunto, vale a pena conferir o texto e os vídeos.

Não é simplesmente fechar a boca e ficar maluca!

http://veja.abril.com.br/noticia/saude/14-coisas-que-voce-deveria-saber-para-emagrecer-com-seguranca#tabs

Publicado em Desafio, Dieta, Remédios | Marcado com , , | Deixe um comentário